Sou fã da obra Poderes do coletivo Bijari. A versão original na sua versão mais crua só é composta por 2 cassetetes fixados entre si, Uma nova versão foi desenvolvida no Galpão Base para a SP Arte 2019, onde uma caixa espelhada expande esse signo para o infinito.


Sobre a obra
A justaposição de 2 cassetetes da polícia desenha o perfil de uma cruz cristã. Misturar os símbolos de duas das maiores instituições de poder - o Estado e a Igreja - é uma provocação crua e uma reflexão sobre os ideais e princípios por trás desses símbolos que, em última análise, enquadram a moralidade dos seres humanos e em torno da qual as comunidades estão ligadas.
http://www.bijari.com.br/poderes











Ficha técnica
Caixa em aço carbono pintado com pintura eletrostática epóxi.
Espelho e vidro com insulfilm espelhado e fita de led 3000k.